domingo, setembro 19, 2010

Providências

Arrumando a bagagem para minha viagem próxima, cheguei à conclusão de que há muitas coisas na minha vida que precisam de uma providência drástica e definitiva.
Como não são coisas que se resolvam de uma hora para outra, achei melhor fazer uma lista e fixar um prazo: até o final do ano. Como a hora passa superdepressa deste lado do Equador, já vi que o prazo é curto. Mas tem que ser assim se eu quiser uma solução. Afinal, já passei da metade do meu tempo de vida (assim espero, não quero ser uma espécie de Mum-Rá ou coisa parecida) e não dá para arrastar certas pendências por todo o sempre amém.
Não coloquei os itens em sequência de prioridade, mas simplesmente os listei aleatoriamente, e vou fazendo conforme surgirem as oportunidades e recursos.

1 - Arranjar um laço vermelho de cetim bem grande para colocar no cabelo.
2 - Doar pelo menos 50 livros.
3 - Aprender a costurar peças simples.
4 - Quitar o terreno e aprovar o projeto da minha casa na Prefeitura.
5 - Deixar o cabelo crescer.
6 - Abandonar de vez o ferro de passar roupas.
7 - Cultivar alguma planta.
8 - Passar uns dias com meus avós e minha tia.
9 - Aprender a fazer bolo de banana.
10 - Providenciar uma máquina fotográfica e aprender a tirar fotos.
11 - Diminuir a quantidade de pipoca que como toda semana.
12 - Atingir meu peso ideal e mantê-lo.
13 - Aprender a dançar alguma dança (qualquer dança).
14 - Não matar ninguém até 31 de dezembro de 2010.
15 - Assistir a pelo menos três longa-metragens de animação do Batman.
16 - Adquirir algum senso de organização (e mantê-lo).

Como podem ver, não parei no décimo item, porque acho cafona lista só de dez itens, como se fosse algo obrigatório, "tem que ter dez itens para ficar correto", coisa de quem tem TOC, sei lá. Tem várias outras coisas mais banais que preciso fazer, como arranjar um bom emprego, trocar de carro, economizar dinheiro, fazer exercícios, mas estas são mesmo as prioridades.
Então é isso. Em janeiro eu volto a esse post para ver se consegui fazer alguma dessas coisas. Espero que o tempo disponível seja suficiente.

Nenhum comentário: